Bumblebee – Crítica

Indicada ao Globo de Ouro por Quase 18 e uma das estrelas da série teen A Escolha Perfeita, Hailee Steinfeld já provou o seu talento com comédias adolescentes – esse sucesso, somado à sua indicação ao Oscar por Bravura Indômita, aos 14 anos de idade, já a coloca em destaque como uma das grandes atrizes de sua geração. A sua escolha para estrelar Bumblebee, filme derivado da franquia Transformers, portanto, é certeira. Afinal, o longa-metragem de Travis Knight (diretor da animação Kubo e as Cordas Mágicas) deixa a ação em segundo plano e concentra-se no drama adolescente.

Ambientada nos anos 1980, a trama conta a história de Charlie (Steinfeld), que não é exatamente a garota mais popular do colégio. Pelo contrário, sua única diversão é trabalhar consertando o carro de seu falecido pai, com peças da oficina de seu tio. Prestes a completar 18 anos, a garota encontra um fusca amarelo no ferro velho e resolve colocá-lo para funcionar: a surpresa é que o carro é, na verdade, um robô alienígena que ficou ferido quando chegou à Terra. Bumblebee, entretanto, perdeu a voz e a memória.

Após cinco filmes da franquia Transformers, Bumblebee acerta ao apontar um novo caminho para a série, longe dos exageros do diretor Michael Bay: a luta entre robôs e o barulho de latas batendo e explosões dão espaço para os personagens humanos. Ecoando ET – O Extraterrestre, o filme foca na relação da garota com o seu “novo amigo” de lata, além dos dilemas adolescentes com relação à família, ao pai falecido, aos garotos da escola e às garotas populares – estão aí todas as alegrias e dores desse período, o que é muito mais interessante que o combate entre carros alienígenas. A ação vem aos poucos, na medida certa, e sempre com um componente humano no meio.

Com leveza e bom humor, Bumblebee figura facilmente entre os melhores blockbusters do ano: uma delícia de filme que não deixa nada a dever às melhores comédias adolescentes dos anos 1980, ou aos melhores filmes “para a família” da atualidade.

Por Gabriel Fabri

Confira o trailer de Bumblebee e a música Back to Life.