Monster Hunter

Adaptado do videogame para o cinema, Monster Hunter repete parceria de Paul W.S Anderson e Milla Jovovich  

Monster Hunter estreia nas salas de cinema e é filme para ser assistido presencialmente na telona. O longa-metragem, baseado no jogo de videogame de mesmo nome, conta a história de uma capitã do exército que, junto com a sua equipe, é transportada misteriosamente para um universo paralelo místico chamado “Novo Mundo”, com vários monstros terríveis e no qual a luta pela sobrevivência é o mais importante. O filme repete a parceria de Paul W.S Anderson e Milla Jovovich vista na franquia Resident Evil.

O diretor Paul W.S Anderson é especialista em adaptação de games para as telas de cinema, sendo responsável por “Mortal Kombat” e a série de “Resident Evil”. Monster Hunter dá a sensação de assistir alguém jogando um videogame que tem uma narrativa simples, monstros nojentos (se você tem aracnofobia ou outra fobia relacionada a insetos eu realmente não encorajo assistir), armas das mais diferentes formas e estratégias para destruir essas temíveis criaturas.  

monster hunter filme, Paul W.S Anderson e Milla Jovovich vista na franquia Resident Evil , games adaptados para o cinema

Durante os 100 minutos de duração, Monster Hunter possui pouquíssimos momentos de fala. Não sabemos muito sobre a protagonista do filme (Milla Jovovich), nem sobre seus companheiros do exército, quase não há explicações sobre quem são, de onde vem, onde estão, porquê estão lá, quais os medos e aspirações dessas pessoas. Mas nem se preocupe, logo seus colegas de equipe desaparecem de cena – de verdade eles não acrescentam muito à trama – e quem surge na sequência é o nativo do mundo paralelo (Tony Jaa) que passa a acompanhar Milla Jovovich. De modo geral continuaremos com poucas informações sobre os personagens e o lugar no qual a aventura se passa.

Quando mais nativos do “Novo Mundo” se juntam a essa história, talvez você encontre um rostinho conhecido: a atriz brasileira Nanda Costa dá a vida a uma dessas personagens, porém de pouca importância na trama – mas vale a nota de que uma atriz conhecida pelas novelas está em um produto audiovisual tão diferente do que nos acostumamos a vê-la. 

O longa-metragem foi feito para ser assistido numa boa tela, com um bom sistema de som, no mais se o que te interessa é uma boa história e não as cenas de ação mirabolantes esse não é um filme para você. 

Monster Hunter não é exatamente um desperdício de tempo, tudo é questão de saber ao que vai assistir: se você espera efeitos especiais bem feitos, cenários lindos, roupas diferentes, criaturas asquerosas, Milla Jovovich usando armas e lutando por sua vida, não vai se decepcionar. 

Por Ana Carolina Garcia

Assista ao trailer de Monster Hunter abaixo:

Leia mais do Pop with PopcornHome | Instagram

Confira as ofertas da Sessão Pipoca da Amazon clicando aqui